15ª Festa do Rosário dos Homens Pretos da Penha de França

De 5/06 a 3/07 de 2016

“Há uma criança em meu coração, quando balanço ela me dá a mão. ”

Com o objetivo de divulgar um importante patrimônio no bairro da Penha, é organizada em junho a Festa do Rosário dos Homens Pretos da Penha de França, que em sua 15ª edição busca trazer para a atualidade uma reelaboração das tradições, com base na participação comunitária, na pesquisa e no resgate da memória.

A Igreja do Rosário dos Homens Pretos da Penha de França é um patrimônio das culturas populares afro-brasileiras que resiste até nossos dias, construída pela antiga Irmandade do Rosário dos Homens Pretos há mais de 2 séculos.

A Festa neste ano tem seus dias de eventos compartilhados com vários coletivos e colaboradores: Cia Fábrica São Paulo; Seu Abrigo, Nosso Abraço – SANA; Centro Cultural da Penha; Festival Afreaka; URURAY, Patrimônio Leste; Núcleo de Pesquisa ANGANA; Ciclo Contínuo Editorial; Carolina Conti; Escola Santos Dumont; entre outros.

Nesta edição temos como tema norteador a ludicidade: “Há uma criança em meu coração, quando balanço ela me dá a mão”, parafraseando um trecho da música de Fernando Brant. A frase faz uma reflexão sobre o resgate urgente da criança em cada um de nós por meio do “brincar” presente nas mais diversas expressões culturais brasileiras, em especial na matriz negra, onde o “brincante e o “brincar” é sobretudo a criação de vínculo consigo e com o outro, com o imaginário e com o presente.

Programação

*Programação sujeita a alteração.

Dia 5/06 (domingo) 

Largo e Igreja do Rosário

10h – Abertura dos festejos: Celebração Afro e levantamento do mastro com a presença da Congada Rosa de Atibaia e a Congada Jesus Adolescente

Centro Cultural da Penha / Festival Afreaka

16h – Debate e intervenção “Entre o que nos forma e nos formata: representatividades negras na arte contemporânea” com os artistas plásticos Bianca Leite e Moisés Patrício

Dia 9/06 (quinta-feira)

Centro Cultural da Penha / Festival Afreaka

15h – Sessão Cinema nigeriano em perspectiva: CONFUSION NA WA de Kenneth Gyang (Nigéria)

19h – Sessão Conexão Brasil e Moçambique – curtas

Dia 11/06 (sábado) 

Centro Cultural da Penha / Festival Afreaka

9h30 – Jornalismo e periferia, mídia independente e afrocentrada com ELIZANDRA SOUZA (MJIBA)

16h – Espetáculo de dança Yebo com Grupo Gumboot. Com direção musical da moçambicana Lenna Bahule, o espetáculo conta ao público os sentidos, sensibilidades e histórias de vida dos povos envolvidos na extração de minérios na África do Sul.

Dia 12/06 (domingo) 

Largo e Igreja do Rosário

9h30 – Missa Afro-brasileira Campal com grupo de canto do Rosário da Penha, Coroação dos Reis de Festa e procissão.

Grupos convidados:

Cia Maracatu Porto de Luanda, São Paulo – SP

Companhia Caracaxá, São Paulo – SP

Congada Batalhão Nossa Sra. Aparecida, Mogi das Cruzes – SP

Congada de São Benedito do Coração de Cesar de Souza, Mogi das Cruzes – SP

Congada de São Benedito, Cotia – SP

Congada Divino Espírito Santo de Mogi das Cruzes – SP

Congada Santa Efigênia, Mogi das Cruzes – SP

Congada São Benedito Conjunto Santo Ângelo, Mogi das Cruzes – SP

Cordão Folclórico Sucatas Ambulantes – São Paulo – SP

Folia de Reis Estrela do Oriente de Vila Nhocuné, São Paulo – SP

Grupo Samba Lenço de São Benedito de Mauá – SP

Maracatu Bloco de Pedra, São Paulo – SP

Marujada/Congada Nossa Senhora do Rosário de Mogi das Cruzes – SP

Moçambique Capela Santa Cruz de Botujuru, Mogi das Cruzes – SP

Uh-Batuk-erê, São Paulo – SP

Congada de Carmo do Cajuru – MG

Congada de Congonhas – MG

Dia 15/06 (quarta-feira)

Centro Cultural da Penha / Núcleo de pesquisa ANGANA

19h – Vivência e lançamento dos livros de Oswaldo de Camargo “Raiz de um negro brasileiro” e “Lino Guedes, seu tempo e seu perfil”

Dia 16/06 (quinta-feira)

Centro Cultural da Penha / Festival Afreaka

15 – Sessão Especial: Vencedor do Festival de Lagos 2015: LOVE THE ONE YOU LOVE de Jenna Bass (África do Sul)

19h – Sessão Novos olhares afro-brasileiros: UM SALVE DOUTOR de Rodrigo de Sousa e Sousa e Andrio Candido

Dia 18/06 (sábado)

Centro Cultural da Penha / Festival Afreaka

11h – A luta contra o racismo por meio do empoderamento infantil com Gustavo Gomes.

Largo e Igreja do Rosário

14h – Banda Marcial Dom Paulo, maestro Wagner

16h – Bloco Afro Ilú Oba de Min

O Bloco é composto exclusivamente por mulheres que desde 2005 sai às ruas de São Paulo celebrando a cultura afro-brasileira e destacando a participação das mulheres.

19h – Missa Afro-brasileira com grupo de canto Negritude, Consciência e Fé.

Dia 19/06 (domingo)

Largo do Rosário

16h – Apresentação do espetáculo ANTÍGONAS.

A Cia Fábrica São Paulo apresenta o texto clássico de Sófocles numa versão popular para teatro de rua. Esta tragédia escrita em 440 AC ganha uma nova roupagem e a relação com o nosso tempo torna-se inevitável. A intolerância de Creonte e a transgressão de Antígona coloca esta peça como a mais atual entre todas as peças gregas.

Dia 23/06 (quinta-feira)

Centro Cultural da Penha / Festival Afreaka

15 – Sessão AfroDoc, negros caminhos: CALYPSO ROSE de Pascale Obolo (Camarões)

19h – Sessão Protagonismo feminino no cinema brasileiro – curtas

20h – O cinema pelas lentes femininas negras, palestra com Sabrina Fidalgo e Monique Rocco

Dia 25/06 (sábado) 

Largo do Rosário / Festival AFREAKA

13h – Comunidade Roda de Samba do Largo do Rosário comemora seu 2º aniversário e recebe o Jongo Dito Ribeiro de Campinas.

Dia 26/06 (domingo)

São Paulo – Guarulhos

10h – O Núcleo de Pesquisa ANGANA realizará o roteiro: CONTAS DE UM ROSÁRIO NEGRO: DA DIÁSPORA À CONTEMPORANIDADE. A visita guiada passará pelas três Igrejas do Rosário: Paissandu, Penha e Guarulhos, abordando as Irmandades Negras no século XIX, o cotidiano da população no período e a questão do Patrimônio cultural na atualidade.

Inscrições pelo e-mail: angana.nucleodepesquisa@gmail.com, vagas limitadas, transporte incluso.

Igreja do Rosário

19h30 – Missa Sertaneja com Grupo de Canto Litúrgico São Francisco de Assis

Dia 28/06 (terça-feira)

Centro Cultural da Penha / URURAY – Patrimônio Leste

19h – O grupo URURAY organiza o Painel “Cidade, Cultura e Ocupações”, bate-papo sobre as ações culturais promovidas por coletivos em locais de bens patrimoniais tombados e não tombados da zona leste:  Comissão do Rosário, Grupo de Teatro XIX, Okupação CORAGEM e Coletivo MAP.

Dia 2/07 (sábado)

Largo do Rosário / Seu Abrigo, Nosso Abraço

A partir das 9h – “Ser Vindo” é um evento vivo criado com o propósito de promover a união, elevação de consciência e troca entre todos os seres: Doação de Deeksha (Benção da Unidade), Sessão de meditação, Rodada Beija-flor (Leitura de Aura), Oficina de mandalas, Dragon Dreaming, Músicas e dança interativa e troca e doação de livros, roupas e acessórios promovendo a conscientização do consumo.

Igreja do Rosário

19h – Terço cantado

3/07 (domingo)

Largo e Igreja do Rosário

10h – Encerramento dos festejos: Celebração Afro-brasileira, coroação de Nossa Senhora do Rosário e retirada do mastro.

Todas as atividades são gratuitas.

Local 

Igreja de Nossa Senhora Rosário dos

Homens Pretos

Largo do Rosário, s/n, Centro da Penha,

Centro Cultural da Penha e Teatro Martins Penna

Largo do Rosário, 20, Centro da Penha,

São Paulo – SP

Como chegar

Do Metrô Penha saem as lotações: Vila Sílvia (2718-10) ou Jardim Keralux (2735-10)

4º ponto (referência Shopping Penha).

Informações

(11) 2306-3369 – Movimento Cultural Penha

largodorosario.penha@gmail.com

largodorosario.blogspot.com

           Captura de Tela 2016-05-29 às 16.07.51